quarta-feira, abril 02, 2008

Explicações

Para quem deixou comments a dizer que o site está offline e não se consegue ler no blog, eu explico.
Eu ja havia deixado na semana passada um aviso aqui...
Não é facil para mim, o site tem 35 000 visitas, mas eu nao ganho um centavo com ele, e eu não vivo disto, tenho outra profissão, vida pessoal etc, e sou sozinho a manter o site do meu bolso, e nunca ninguem me ajudou.
O site foi invadido e eu avisei que ia mudá-lo de alojamento, tive que transferir o domínio para outro serviço, mudar os dns, e tenho que transferir 500 mb de ficheiros por ftp para o novo hosting.
Além disso mudei de net, tive que gastar quase 70 euros numa nova placa web, fiquei sem net.
Tudo isto custa dinheiro.
o blog tinha imagemd e fundo (background) alojado no site, se o site está off, a imagem de fundo fica branca, e se estive sem net, não consegui fazer nada quanto a isso..
Mas hoje ou amanhã tudo ficará normal.
E eu estive sempre a fazer novas coisas, videos, traduções etc, depois terei novidades....

1 comentário:

Antonio disse...

Olá Silvio, estou a conhecer a colecção de temas que até é impressionante mas mostra-me a minha curta experiência que se queres abrir uma Guerra, deves de conhecer 1º o campo de batalha - já nem falo do inimigo.
No geral os chatos que aqui chateias não ligam a palha, outros, são mais rumores de conspiração ou realidades desconhecidas ao publico e depois o que se diz é mais ter que dizer algo do que o será realmente. No entanto haverão umas pontas soltas que podem produzir e trazer chatices e azares - acredito que saibas muitas coisas mas se queres ter a certeza que acertas o alvo - somente é um conselho - prepara-te para a guerra que vais comprar.

Se queres umas teorias verídicas e não pseudo conspirativas que tanto o Cayce e o Nostra falavam, visita:
http://science.nasa.gov/headlines/y2003/29dec_magneticfield.htm
e investiga a Frequencia de Shumann e a correlação com o funcionamento do cérebro humano.
Podes visitar o www.kryon.org que ele explica parte destas coisas.
Agora é investigares e montares as oeças e verás o futuro em que os homens não mandam nada!