quarta-feira, novembro 26, 2008

Como funciona a Inflacção

De facto, o encobrimento desta situação chega a ser tão grave que até mesmo a própria definição da palavra inflação foi alterada de modo a não dar tanto nas vistas que só os bancos a controlam.

A palavra inflação surge com o acto de inflar (ou expandir) a massa monetária em circulação através de um aumento da emissão de moeda por parte de um banco central.

É esta a definição que se encontra em qualquer livro de economia até meados dos anos 80.
Em qualquer boa enciclopédia, é esta a definição correcta de inflação, pelo menos até há uns anos. A enciclopédia Luso-Brasileira poderá confirmar isso mesmo.

Isto significa que a inflação só pode ser gerada se um banco quiser, aumentando a emissão de notas e moedas, tornando-as menos valiosas. A inflação era um acto que podia apenas ser executado por um banco central.

Mas então como se podia criar crises inflacionistas sem ficar com as culpas? Simples, alterando a definição de inflação para um fenómeno de aumento generalizado dos preços, ficando a culpa a morrer solteira pois deixa de ser um acto deliberado para passar a um fenómeno vindo do céu.

Na verdade é impossível aumentar os preços em todos os produtos se o dinheiro em circulação se mantiver o mesmo. Só emitindo mais moeda é que pode existir esse fenómeno.

A banca conseguiu ludibriar um sistema de ensino de modo a fazer esquecer quem de facto é responsável pela inflação .


Fonte: APEFI

Sem comentários: