sexta-feira, outubro 10, 2008

Doze pragas a caminho ...

Amigos , isto é sério

Sei como o governo oculto pretende dizimar um terço da população Mundial.

Vão espalhar novas pragas e metem a culpa no aquecimento global.
Posso relacionar vários temas com este, por exemplo:


Nostradamus falava que viriam novas pragas, por outro lado Oswald le Winter ( ex agente CIA ) no livro « Democracia e secretismo» explica como a CIA esteve envolvida diversas vezes em epidemias, pragas, guerras biológicas, infectando insectos ou pássaros.

Veja a título de curiosidade este LINK

( em 1979 o Washington Post relatou que a CIA produziu componentes de guerra biológica contra Cuba, )


E recentemente um relatório do Congresso Mundial da Natureza da União Mundial para Conservação diz que em breve temos na europa febre amarela, peste negra e outras, porque devido ao aquecimento das temperaturas, esses insectos começam a imigrar para cá também, propagando essas pragas.

Assim morrerão mais uns milhões de pessoas e poderão culpar o aquecimento global, que ninguém se aperceberá.
Reparem que há cerca de 3 anos que eles tentam assustar-nos com a pandemia da gripe aviária H5N1, dizem que vai ceifar milhões de vidas .
Reparem ainda que surgem cada vez mais filmes sobre pandemias ,virus mortais que dizimam a humanidade, filmes ao estilo de “resident evil, extinction”, um mais recente foi « doomsday » .

Artigo do «Diário de Notícias» 8/10/2008 pagina 34 “Ciência”

Mais doenças à espreita com as alterações climáticas.

Vários parasitas e insectos podem expandir os seus horizontes, e trazer essas pragas para cá. O relatório intitulava-se « Deadly Dozen » ( os doze mortais ), referindo-se aos 12 agentes patogénicos que podem vir para outros países.

Cólera, doença do sono, ébola, febre amarela, peste, doença de Lyme, etc.

Babediosis, transmitida pela carraça, fragiliza o sistema imunitário das pessoas, ficando vulneráveis a outras doenças, ja se alastrou da África para a Europa e América do Norte.


O aumento das temperaturas fará a cólera alastrar-se a vários países, a bactéria vibrio cholerae transmite-se através da água e alimentos contaminados.

Febre amarela ,o aumento das temperaturas e alterações dos ciclos das chuvas favorecem a proliferação dos mosquitos por mais países.

Peste, na idade média dizimou milhões de pessoas, as alterações climáticas alteraram a distribuição dos roedores por outros países, e eles ( roedores) transmitem a doença.

Doença de Lyme, transmitida também pela carraça, a qual se dá bem com climas quentes, pode alastrar-se a mais países, devido ás alterações climáticas as carraças infectadas pela bactéria alastram a mais países.

1 comentário:

Nephertiti disse...

exatamente ja estão em larga escala em laboratorios secretos a nova fase para implementar as pragas mortais que dizimarão milhões, e isso esta mais próximo do que se imagina