terça-feira, novembro 20, 2007

Os Bancos e o pacto com o diabo

Rezam as lendas antigas que, quem quisesse muito dinheiro, sucesso, boa vida, fazia um pacto com o diabo...
Então a pessoa podia viver à grande, mas após uns anos o diabo vinha reclamar a sua Alma.
Hoje em dia, nao precisamos fazez um pacto com o diabo, mas fazemos algo semelhante.

Quem quer uma casa para morar, que aliás é um direito de qualquer cidadão, tem que pedir empréstimo ao banco, quem tem dívidas e precisa de dinheiro urgente pode pedir empréstimo a bancos de pequenos empréstimos ( há centenas deles, cofidis, médiatis, cetelem, credial, etc),.

Eles não pedem a sua alma, no entanto se voce nao conseguir pagar as dívidas, eles penhoram tudo o que você tem.
Se o Banco central europeu (BCE) continuar a subir as taxas de juros, o seu empréstimo habitação indexado à taxa euribor sobe em flecha, e se voce nao conseguir pagar a prestação da casa ( algumas passam dos 500 euros mês) você perde a sua casa e vai morar debaixo da ponte, e o Banco vende a sua casa em leilão por meia dúzia de tostões a qualquer ricaço que queira comprar uma casotinha de férias ou oferecê-la a um filhote.

Você pode renegociar com o Banco a sua taxa de juro, o spread do banco, etc. aconselha a DECO.
Mas a Deco tamb ém alerta, cuidado pois os Bancos cobram $$$ para renegociar a taxa, e porv vezes nem num ano você recupera esse dinheiro que pagou para o banco "renegociar" a taxa, além disso após uns meses o BCE volta a subir os juros.

Pois este pacto é diferente, eles não levam a sua alma em troca, mas levam quase toda a sua vida...

.Eles não são mafiosos que lhe partem as pernas caso você não pague a dívida, mas eles cobram juros até 39% e penhoram todos os seus bens caso você não consiga pagar a prestação, e você fica morando debaixo da ponte.

Sem comentários: